quarta-feira, 17 de março de 2010

Grandes mentes doentes!


" As mentes doentes tem uma ligação com o universo, uma ligação com um mundo particular e outra com a loucura . "



Dizem que somos loucos, e realmente somos, porém não somos poucos, há milhares de pessoas como eu, como você, como nós que estamos sempre buscando o sentido da vida, do amor, das perguntas que nem os cientistas tem a resposta...
Quando você entende a filosofia do mundo, de um simples ser pensante você passar a ser um filosofo (amador ou não). A alma de um filósofo é um dom e não uma cruz, mas para quem sabe usá-lo.
Ser pensante, sentimento inconstante, necessidade de se expressar, liberdade de expressão, universo paralelo, observador, rotina insana, grandes mentes doentes, não há limites! Não há o que defina um pensador, pois é o tudo e o nada presente em um único ser!
Somos extremos na liberdade:
Eis aqui apenas duas línguas: língua dos anjos ou língua dos demonios.
Os filósofos não falam só de amor, a dor também é um sentimento, a tragédia é comovente, a desgraça é emocionante, o ódio é ironico, e a insanidade é essencial para quem se diz intenso! Cada um tem sua liberdade de expressão, uns preferem a complexidade do momento e outros optam pela simplicidade, é o direito da escolha. Mas todos buscam apenas expressar o que tem em sua alma, os sentimentos da simples casinha cheia de emoções, e os pensamentos que atormentam as grandes mentes doentes.Quando um filósofo se encontra - dentro do próprio ser - , ele apenas deseja ser LIVRE!
O dom da filosofia é a sabedoria e a liberdade.
'Nós dividimos a dor e o amor com o papel, libertamos os nossos pensamentos, expressamos nossos sentimentos, matamos o tormento, entendemos que mais do que ver é sentir e assim podemos criar um mundo dentro de nossos olhos, vemos o mundo do jeito que nos cair melhor, matamos a solidão e ocupamos nosso tempo, nos permitimos, vivemos o momento, nos encontramos e ao mesmo tempo fugimos... de nós mesmos.'
A evolução da sabedoria em um ser é o tanto de sentimentos que cabe dentro de si!
Somos tudo, somos nada, não busque o sentido real de nossas palavras, apenas entenda que é preciso compreender a filosofia do universo, só assim teremos paz!


Grandes mentes doentes desconhecem o significado da palavra equilíbrio, porém conhecem muito bem o efeito da loucura e sentimento!


" Posso ou não estar sob efeito dos meus pileks, seja como for, eu me sinto livre! "

9 comentários:

  1. Sou apaixonada pelos seus textos amor *.*

    ResponderExcluir
  2. Eu gostei de quando você disse: "A alma de um filósofo é um dom e não uma cruz, mas para quem sabe usá-lo." Aprender a pensar é uma arte, reconhecer o mundo e aprender a viver intensamente é considerado insano...e quem diz que sanidade é o melhor caminho? É preciso ser meio louco ou somos tragados pelo mundo.

    ResponderExcluir
  3. Quando mais penso mais tenho medo de mim...


    :S

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Lembrei agora do livro O alienista, do Machado de Assis, muito bom por sinal. "Eu pensava que a loucura era uma ilha perdida na mente humana, agora acho que está mais para um continente" Por aí.

    Abraços

    ResponderExcluir
  5. mt bom seu texto, acho q é assim mesmo, na vida ninguem é louco ou normal! somos o q somos!

    http://www.10preparados.com/

    ResponderExcluir
  6. Lembrei de uma frase do moby,ela é mais ou menos assim

    "Algumas pessoas ouvem suas vozes interiores,com tanta clareza,que ficam louca,ou se tornam lendas"

    http://semsaboor.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. É pessoal, cada um tem sua visão sobre a vida e etc, e suas frases, textos, livros e etc... Mas todos nós que somos assim só desejamos uma coisa: liberdade! É isso aí! adorei os comentários, bom saber que vcs concordam e gostam =) Beijosss

    ResponderExcluir

Faço os meus textos esperando reconhecimento, assim como todos que também tem um blog. Sem ser grosseira, se não for ler NÃO COMENTE! Estamos aqui para expor nossas idéias e eu tenho as mesmas intenções que você. Favor respeitar a regra (: Obrigada!