terça-feira, 27 de abril de 2010

Por medo do céu.

O dia em que a cidade apagou.

( Escuridão total na rua. )

A desgraça que você vê na TV também acontecerá um dia com você.
Somos ou nos fazemos de cegos, surdos e mudos?
 Não sei até quando seremos ignorantes e hipócritas à ponto de não nos importamos com o nosso planeta - NOSSO - .
Para quem nunca viu uma desgraça causada pela chuva, fenômenos naturais, fogo, e etc, talvez não entenderá a mensagem que quero passar.
Quem somos nós, humanos, diante da fúria da mãe natureza? Quem são os políticos milionários e corruptos? Bill Gates? Paris Hilton e suas compras em Beverly Hills? (Desgraçados!)
Parem e pensem por um minuto, quem são esses hipócritas diante das desgraças que acontecem no mundo e prejudicam milhões de pessoas que NÃO tem o dinheiro que eles tem, hein?
Não importa, o meu conceito, a minha revolta não mudará o mundo. Mas o que quero que todos saibam, é que eles não são NADA, nada além de "pobres" seres humanos que em um piscar de olhos podem virar pó diante da fúria da natureza. 
Mas a questão é: eles não se importam. Pois se tem o maldito dinheiro para o luxo (lixo) deles, está tudo bem. Volto a dizer, a desgraça que acontece na TV acontecerá um dia com você, isso inclui eles.
A minha revolta acaba aqui, mas continuarei à falar sobre abrir os olhos e cuidar do planeta.
Pois bem, como você pode ver na foto, a cidade apagou, pessoas desesperadas na rua, tentando voltar para suas casas, buscando segurança em meio ao caos, (essa é uma cena futura, quem assistiu o  filme : 2012 sabe bem disso) a falta de energia impediu que as pessoas saíssem de suas casas, e tudo isso é consequência de nossas ações.
O escuro foi a luz para os meus olhos, eu pude ver em meio à escuridão o quanto somos pequenos diante do mundo.


Somos o nada diante do tudo.

(Foto tirada da árvore do meu vizinho ou EX árvore né, logo após a chuva de vento.)

"Me sinto pequena, sou tão frágil, a vida não é mais serena..."

Tudo o que fizermos contra a mãe natureza hoje, nos matará amanhã.
A fúria é incontrolável, não há pra onde correr.
Pare e pense tudo o que já vimos na TV sobre destruição, sofrimento, toda a consequência de nossos atos inpensados, chega! Vamor por um fim nisso, é chegada a hora de mudarmos a nossa direção, os nossos atos e as consequências deles. Caminhe rumo à um mundo melhor!
Cuidar do planeta é preservar a vida humana, pense, reflita, aja. A HORA É AGORA!
Não há mais tempo para desmatamento, queimadas, poluição e tudo mais que fazemos com o nosso planeta. Vamos preservar, cuidar, vamos viver sem medo do amanhã.
Tudo o que temos além de um corpo é a nossa consciência, tranquila ou não.
Mas é impossível possuir uma consciência tranquila em meio ao caos, você sabe disso tão bem quanto eu.


Por medo do céu, entre as nuvens.



"O mundo tornou-se perigoso, porque os homens aprenderam a dominar a natureza antes de se dominarem a si mesmos." (Albert Schweitzer)

"O que é o homem na natureza? Um nada em relação ao infinito, um tudo em relação ao nada, um ponto a meio entre nada e tudo." (Blaise Pascal)

"De modo que não é fácil estabelecer se (a natureza) foi para o homem mais uma boa mãe do que uma madrasta cruel."

domingo, 25 de abril de 2010

Até o último passo.

Você seria o meu último romance.

Estou fria e distante o bastante para não te machucar, sigo sem direção, descalça com os pés no chão, pisando em pedras e cacos, a intenção é ferir, à mim e não à você.
Entenda, eu sou assim, não tenho um porquê, prefiro não me explicar mas você insiste em saber, não fui feita para ser entendida, apenas me sinta, e sinta o que eu sinto por você.
Andei por muitos caminhos, alguns vazios, outros cheio de vida, mas nunca encontrei um caminho como o seu, ele é tão meu, tão eu, você sabe do que estou falando. Eu só quero caminhar com você.
Nada está como deveria ser, não mais, essas coisas ruins acontecem, mas só quando permitimos, e eu lutei muito contra isso, mas parece ser inevitável.
Você me disse: " Até lá muita coisa pode acontecer ", eu discordei, meus sentimentos estavam quentes demais pra concordar com tamanha frieza, mas é como você também disse: realidade e não fantasia. Agora com os pés no chão novamente, eu entendo a realidade e as suas sábias palavras, eu te dou razão e concordo com você. 
Mas devo dizer que, nada me fez tão bem quanto você e o seu coração nesses últimos tempos, a espera dos dias, a esperança de um novo e bom caminho, o futuro...
Caminhar para o futuro, com você, é o que eu mais quero. 
Se você realmente for tão igual à mim quanto dizíamos, você vai entender minhas palavras, mesmo que elas só transmitam sentimentos, pois é exatamente isso que eu preciso fazer você sentir.
E mesmo que nada mude, saiba que as noites mal dormidas, os pensamentos, sorrisos, sonhos, você em mim, tudo foi muito bom e intenso, o momento que durou uma vida toda... Inesquecível!
Eu sei que vivo bem só, talvez até melhor, mas agora eu preciso de você, mais do que nunca... Volta, deixarei aberta a porta, você também sabe onde encontrar.
Eu não te amo, eu não te toco, eu não vejo as cores nos seus olhos, eu vou além disso, eu te sinto. Caminhe até mim, sem pensar duas vezes, eu estou esperando por você.
Ah garoto, sem medos por favor, deixe isso para os fracos, pois eu sei que você é forte.
Faça algo por mim: tente encontrar o caminho de volta. Se você parar agora, eu não mais saberei como encontrar o teu caminho, novamente. Tente, apenas tente!
Eu estarei com você até o último passo.
(...)


"Seja la o que for, é real e reciproco... e isso me faz bem"

O mundo simplismente esquece.

Ame seu coração!

"Nunca deixe seu coração se tornar frio, se isso acontecer, não estará mais vivo e sim apenas respirando..."

Eu me questiono: Como nos permitimos chegar à esse ponto?
O mundo simplesmente esquece das coisas mais valiosas, sentimentos calorosos, sorrisos sinceros, corações humanos e não selvagens, viver intensamente.
Eu digo sim palavras repetidas, são as palavras que nunca são ditas, porquê se alguém entendesse o que eu falo, o mundo seria intenso. Aí entra aquele conceito: "Uma cabeça não muda o mundo!"
Realmente, não muda. O amor muda o mundo, uma cabeça não.
Temos problemas, é, todos reclamamos de algo, o tempo todo, alguém já disse "eu não tenho problemas, sou cem por cento feliz" ? Não acredite, é mentira. Mas eu digo, problemas foram feitos para serem solucionados e não há razão para tanta lamentação.
O mundo tem pressa, as pessoas estão cada dia mais sem rumo, rotina, dor, desamor.
Aonde vocês vão de mãos vazias? Com sentimentos frios? Eu não vivo, você não vive, ninguém mais vive! 
Eu sou tão trágica, oh! Eu sempre soube. Mas dizem que são esses, os intensos, aqueles drogados, bêbados, insanos, não é? Pois bem, é sendo assim que consigo sentir o mundo e não vê-lo, de nada me adianta enxergar, sem o meu coração não verei o que de bom tudo pode vir a ter.
Confesso à vocês senhores, de uns tempos pra cá não sinto nada além de solidão, meu coração sente frio, eu tenho tudo e não sinto nada. Como pude chegar à esse ponto? 
 Mas que diabos eu quero dizer? Quem está me vendo agora? Alguém me sente? Eu só quero a minha paz.
Mundo não me esqueça, eu sou mais uma que ainda tenta sentir, eu sei, eu serei mais uma à morrer sem o prêmio da guerra, ninguém está me vendo, nem eu, longe como estou, como poderia?
Ei, eu vou embora porquê é chegada a hora, mas você pode apostar que eu voltarei, eu sempre volto. E eu me contradigo, SEMPRE, quando eu não mais fizer isso, comece a se preocupar.
Como pude deixar tudo esfriar? Meus sentimentos, meus sonhos, meu olhar... Até o café que me mantém acordada em plena 06:40 AM.
Só o que me resta agora é ter esperança, tudo deve passar. Estou enlouquecendo por tentar aquecer meus sentimentos novamente, eu sei, mas você não sabe.
[...]
 

domingo, 18 de abril de 2010

Sinta, eu sou o vento...

"E tudo o que você não vê."


"Quando sou fraco me chamo brisa, quando sou forte me chamo vento!" (Vinicius de Moraes)

Já não sou mais brisa, alguém mudou a direção do vento, me fez sentir e até ser.
O que sinto é medo, você me causa, mas não sabe. Eu costumava ser aquela que não sorria por alguém e sim para alguém, eu costumava não ser feliz de verdade, até você chegar.
Me diz, por quê tudo muda quando a gente sente? Tente achar as chaves, as respostas, tente me ver da forma que eu quero.
Encontre os meus sinais e saberá exatamente o que sentir!
Preciso ser o vento que te toca, a lua que ilumina os teus sentimentos, e o sentimento que te faz sorrir. Me deixa ser o que sou, como for, me sinta.
Eu sei, parece uma sina, gostar de quem não se tem por perto, mas talvez isso seja o mais certo.
Uma pessoa como eu precisa dessa distância, para manter-me viva, não perder o rumo, encontrar sempre uma saída... Eu sinto, mas também morro.
Não sei se você é brisa, vento, ou destino, só sei que eu gosto tanto de você... Queria te ter, não precisar do medo e saber me expressar, não te amar nunca, eu não quero morrer novamente, o que eu quero é me encontrar em você.
Você não é como sonho humano, você é humano em sonhos - nos meus -, te toco, te beijo, te abraço, te tenho junto à mim, e ao mesmo tempo nada tenho... Você é o fantasma que insiste em perturbar minhas noites, você quer me matar, e sinceramente, eu estou mesmo precisando morrer.
Como é bom sentir, não sou mais tão robótica, aquela velha frase "não sei porquê, mas faço as mesmas coisas todos os dias" não me cai bem, não mais, eu sinto frio, medo, lágrimas, sorriso verdadeiro, coração batendo forte, eu sonho, eu sinto o vento.
Não me ame, não me queira, não me encontre, apenas faça isso valer por uma vida toda!

"Se isso é real eu não sei, mas esse sonho não precisa ter fim, não pra mim. E se eu abrir os olhos você jura não partir?Preciso de você aqui!"

A arte de amar, a cachaça no bar, e a cabeça cansada de pensar!




Silêncio, o coração precisa falar.
O que devemos sentir para encontrarmos a tão desejada felicidade? Amor? Mas será que amar é mesmo tudo?
"Me sinto tão só, e dizem que a solidão é que me cai bem" (Renato Russo)
Talvez seja isso, somos felizes amando, ou até mesmo estando só.
A partir do momento que damos os primeiros passos pra vida, ou seja, sentimos necessidade de estar ao lado de alguém, precisamos de algo a mais, que nos faça ir além, mais além de quê? Eu não tenho essa resposta, só sei que é preciso.
Amar é viver e morrer ao mesmo tempo!
Quem nunca sentiu "borboletas no estômago"? Quem nunca se feriu por tentar viver? Quem nunca sorriu e chorou por alguém?
Quando dependemos de nós mesmos não temos motivo pra chorar, deitar e não conseguir dormir, querer sumir, ou qualquer sensação que temos quando amamos. Não digo que amar seja só sofrer, jamais, o amor é o que nos faz viver e eu direi o porquê.
Nascemos por amor (na maioria dos casos), vivemos por amor (em todos os sentidos), morremos por amor.
É inexplicavél a sensação de "borboletas no estômago", só quem sente sabe, você sorri com ou sem motivo, sonha acordado, suspira, precisa estar perto, sente aquele frio na barriga, seu coração bate mais forte e é por alguém. Amor é felicidade, em doses perigosas.
Toda forma de amor é vida! Mas nem só de amor é feita a vida, temos muito mais à sentir, não podemos nos deixar escravizar pelos sentimentos.
"Quando se aprende a amar o mundo passa a ser seu"
Você viveria ou morreria por amor?
-

Amar é uma arte, viver é um dom.

terça-feira, 13 de abril de 2010

Sweet dreams.

"Sonhar é libertar a alma!"


Sonhe com o impossível, torne real.

Um sonho é mais real do que a nossa realidade, contradigo o significado fictício de sonhar, contradigo porque acredito na realidade dos meus sonhos. Acreditar...
Você acredita nos seus sonhos? Se você quer torná-lo real comece lutando. Sonhar é mágico e simples, o transportar para a realidade é totalmente o contrário.
Não se acostume com o que é comôdo, saia do lugar, use sua força, vontade, desejo, lute pelo seu sonho, e quando não tiver mais forças ou perder a razão, lute ainda mais, pois só quem sonha consegue alcançar.
Fugir da realidade é necessário muitas vezes na vida, para que possamos encontrar a nossa paz interior e esquecer o caos em que vivemos.

Sonhar é ser e não viver.




quinta-feira, 8 de abril de 2010

Pranto.


Deixa que eu chore o meu pranto em paz


Meu grito de vida
Engasgado na garganta
Meu leito de morte
Ou a ultima esperança
As mãos calejadas
Sem rumo
Lágrimas presas na garganta
Não posso sentir...
Nada!

Ecoa a minha dor
Me procura
Antes que tudo tenha se perdido
Me encontra
Ainda tenho sentimentos vivos
Não posso arriscar...
é morrer ou matar!

Se nada satisfaz
O que ainda faço presa ao chão?
Já não encontro minha paz
As vezes parece que tudo
Se faz em vão
Se você me deixar cair
Eu não terei mais chance
é morrer ou matar
(meu coração)

Gritos presos na garganta
Lágrimas de sangue
Agora chore o pranto da santa
Que você matou
Por não saber a hora certa
De salva-la...


Não transpareça
O que ninguém seria capaz de ver
Vida que não quer viver
Não quer viver, não viver...

Te encontrar.


Disseram que eu te encontraria, talvez em uma esquina

Sem rumo e sem alguém
Talvez seja verdade,
Mas eu nem sai de casa essa noite, meu bem
Então me diz
Como posso te ter?
Se nem ao menos
Estive lá pra te ver


Isso é pra quando você
Não confia no destino
Mas ainda pensa
Que pode ser feliz
Sem ao menos
Arriscar
Tentar ouvir
O que aquele cara diz
A felicidade é pra quem sabe encontrar


Já me cansei
de tanto procurar
O que sei que não é pra mim
Talvez fosse facil
Suportar
Esse tédio que parece não ter fim
Mas chega uma hora
Em que tudo que demora
Se torna tão fragil
Eu não sei dizer se devo ou não
Tentar denovo ou viver esse fracasso...


Essa noite eu vou sair
Mas é só pra te encontrar
Meu bem, esteja lá
À me esperar...
Dessa eu vez, eu vou confiar
(Em você)

Leiam isso como canção. Dica!

domingo, 4 de abril de 2010

Um coração que não divide com ninguém.


"Moça bonita do sorriso aberto, porque és tão só?"

Já fui todos, e quase nunca eu. Solidão, que coisa é essa? Quem precisa disso? Eu preciso!
Pensei que nunca precisaria, mas como sempre, eu me enganei.
Eu brindo os amigos, a vida, os sorrisos alheios, mas tudo passa, tudo tem um fim, eu aprendi. Sendo assim, prefiro cuidar de mim e apenas viver.
Eu não sou solidão, sou solitude!
A vida te "come" cada dia mais, as pessoas te sugam, e os sentimentos te matam. Esse é o lado negativo, que te faz querer ser só, essa é a defesa do nosso coração, para a sobrevivência da alma.
Me veja como sou e não verá solidão alguma, minha vida não é como eu queria que fosse, quisera eu ser tão fria assim, raros são aqueles que vêem além.
Não deixo de acreditar na vida, de sorrir, de precisar de calor humano, de ser "todos e tudo", não perco a minha essência. Mas meu santo está cansado e sem paciência, o mundo "tá" complicado e a tendência é só piorar.
Pessoas, vida, tempo, corações, atitudes, momentos, rotina, pensamentos, sentimentos...
Eu sou louca porque vivo. Fazer parte do caos sem se ferir é impossível, há sempre uma forma de desviar, se defender, e essa é a minha.
Estou sempre no mundo da lua, inspirando solitude, expressando amor, vivendo o tudo e sendo o nada.
A moça bonita do sorriso aberto é dona de um coração que não divide com ninguém...

"E agora você sabe muito bem o porquê."

quinta-feira, 1 de abril de 2010

Música é a magia da vida!

Esse post é pessoal galera, é uma homenagem à um amigo meu que foi embora, mas antes fizemos uma despedida à altura, o cara merece! Badauí vai deixar saudades!



Ciúmes do tamanho do planeta - 2ois
Por: Badauí e Lua